Juiz embarga metade do 'palacete' dos duques de Palma

O juiz instrutor do caso Nóos, Jose Castro, embargou a metade indivisa do "palacete" de Pedralbes, propriedade da infanta Cristina e Iñaki Urdangarin.

A ordem do juiz acontece depois de o duque de Palma não conseguir pagar a fiança de responsabilidade civil imposta pelo juiz de forma conjunta e solidária com o seu ex-sócio Diego Torres, no valor 8,2 milhões.

Segundo o jornal El Mundo, o juiz decidiu hoje embargar não só a metade do imóvel de Barcelona, como também parte de outras moradias que se encontram no nome de Urdangarin.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG