Para Obama Thatcher era uma "campeã da liberdade"

O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, relembrou hoje Margaret Thatcher como uma "campeã da liberdade" e uma "verdadeira amiga", que os EUA acabaram de perder.

Obama, foi um dos políticos que fez questão de prestar tributo à 'Dama de Ferro', que morreu hoje aos 87 anos: "Uma filha de um merceeiro que se tornou na primeira mulher a ocupar o lugar de primeiro-ministro do Reino Unido, ela destacou-se como um exemplo para as nossas filhas, mostrando que não há nenhum teto de vidro impossível de ser partido", declarou Obama num comunicado divulgado pela Casa Branca e citado pela CNN.

"Como primeira-ministra, ela ajudou a restaurar a confiança e o orgulho, que foi sempre uma marca registada do Reino Unido. E como uma defensora, sem arrependimentos, da nossa aliança transatlântica, ela sabia que com força e determinação poderíamos vencer a Guerra Fria e ampliar a promessa de liberdade", acrescentou o Presidente dos EUA.

Exclusivos