Detido suspeito de ser o atirador do jornal Libération

As autoridades detiveram hoje um homem suspeito de ser o atirador envolvido em vários ataques na cidade de Paris, entre os quais contra o jornal Libération, anunciou o Ministério Público.

Mostrando uma "forte semelhança física" com o suspeito procurado, tendo por base imagens de videovigilância, o homem foi apanhado cerca das 18h00 (hora de Lisboa) num carro estacionado num parque subterrâneo de Bois-Colombes, um subúrbio a oeste de Paris, acrescentou a mesma fonte.

O suspeito encontrava-se um estado de "semi-inconsciência, sem dúvida devido à toma de medicamentos que podem levar a pensar numa tentativa de suicídio", disse à AFP fontes da investigação.

Foram recolhidas amostras de ADN do suspeito, que já estão a ser analisadas. AFP

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG