Criança morre por asfixia depois de comer pipocas

Uma criança morreu em Oviedo, em consequência de uma asfixia causada por um grão de milho de uma pipoca, informou a Guarda Civil.O caso está a ser investigado para apurar se houve negligência médica.

A rapariga, de um ano e meio, deu entrada no centro de saúde de Vilares de Abajo (Ibias) a 09 de março, devido a uma asfixia por um grão de milho de pipocas, tendo sido depois transferida para o hospital em Cangas del Narcea.

Após a realização de uma radiografia do tórax no hospital, a criança foi transferida para o Hospital Universitário Central das Astúrias de Oviedo, onde permaneceu em observação.

Passado cinco dias, a 14 de março, a criança regressou ao centro de saúde Villares de Abajo, visto que apresentava sinais de sufocamento.

Ao chegar o médico do centro determinou que ela não tinha pulso nem apresentava sinais vitais, até que o médico legista, mais tarde, confirmou a hora de óbito e ordenou a remoção do corpo.

O Conselho de Saúde de Astúrias abriu uma investigação sobre alegada negligência médica.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG