Comunistas perdem maior autarca

Rosa Aguilar, presidente da câmara de Córdova, troca Esquerda Unida pelo Governo socialista da Andaluzia.

Os comunistas espanhóis estão em estado de choque: a sua principal autarca, única militante da Esquerda Unida (EU) que ainda liderava uma cidade do país, anunciou que se desfiliava do partido, ingressando no novo Governo da Andaluzia, liderado pelo socialista José Antonio Griñán. Rosa Aguilar aceitou o convite na noite de quinta-feira e só depois comunicou a sua decisão ao líder da EU, Cayo Lara. Esta coligação é dominada pelo frágil Partido Comunista de Espanha, que chegou a ter 10% em legislativas, mas hoje tem apenas dois deputados no Congresso de Madrid e pouco mais de 1% dos votos. A saída de Rosa Aguilar, que é muito popular em Córdova e chegou a ser apontada como possível líder da EU, deixa a esquerda comunista espanhola ainda mais debilitada.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG