Central nuclear britânica com altos níveis de radioatividade

A central nuclear de Sellafield, o mais antigo complexo nuclear europeu, situado no noroeste de Inglaterra, regista "altos níveis de radioatividade", anunciou hoje fonte da empresa avançando que a unidade se mantém a funcionar.

Os "altos níveis de radioatividade" foram detetados num dos monitores de radiação do local, situado no norte de Sellafield, revelou o responsável da Sellafield Ltd.

O local, utilizado para armazenamento de resíduos nucleares e reprocessamento de resíduos de óleo", mantém-se a "operar normalmente, mas, "por precaução, com menos pessoas que habitualmente", referiu a mesma fonte.

"Os níveis de radioatividade detetados estão acima do normal, mas abaixo de um nível que exigiria uma ação do pessoal dentro ou fora do local", disse o responsável, acrescentando que as unidades de produção de Sellafieid se manterão a funcionar enquanto decorrer uma investigação para detetar as causas do aumento de níveis de radiotividade.

Sellafield foi a primeira fábrica de energia nuclear em todo o mundo a fornecer eletricidade ao público, mas parou a produção em 2003. O local é agora usado para o armazenamento de resíduos nucleares e reprocessamento de combustível.

Em março de 2013 foi temporariamente fechada por "precaução" devido ao mau tempo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG