Carta para Sílvio Berlusconi tinha balas e pó

Os correios italianos intercetaram em Milão uma carta endereçada ao ex-primeiro-ministro italiano que tinha balas e pó.

A descoberta foi feita quando o envelope passou pelo raio-x, tendo sido detetados projéteis, avançou hoje a imprensa italiana, que indica que os bombeiros se deslocaram aos correios de Milão para examinar o conteúdo.

A carta estava dirigida a Sílvio Berlusconi, com a morada da sua mansão em Arcore, perto de Milão.

Este incidente acontece depois de, no domingo, um homem ter disparado tiros contra a polícia perto da sede do governo, quando o novo primeiro-ministro italiano, Enrico Letta, tomava posse

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG