Burger King abandona fornecedores de carne de cavalo

Depois do escandâlo que envolveu a Irlanda e o Reino Unido no comércio de hambúrgueres contendo carne de cavalo, a cadeia de fast food Burger King decidiu suspender o abastecimento da carne vinda dos dois países.

A Autoridade de Segurança Alimentar irlandesa revelou, recentemente, a presença de ADN de cavalo em hambúrgueres que, supostamente, deveriam ser feitos a partir da carne de bovino.

Uma das instalações implicadas no inquérito, a Silvercrest, revelou em comunicado ter fornecido hambúrgueres ao Burger King.

"Como medida de precaução, decidimos substituir todos os produtos Silvercrest do Reino Unido e Irlanda por outros de outro fornecedor aprovado pelo Burger King", indica a marca na comunicação da nova medida "voluntária".

A empresa está a procurar fornecedores capazes de produzir bifes 100% puros, com origem irlandesa ou inglesa, mas anuncia que a sua comercialização pode demorar algum tempo devido à falta de disponibilidade do produto.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG