Bento XVI leva secretário pessoal com ele para mosteiro

O secretário particular do Papa Bento XVI, vai acompanhá-lo para a sua residência de Castel Gandolfo, antes de o seguir para o mosteiro do Vaticano onde planeia retirar-se após a renúncia oficial ao cargo.Recém-nomeado bispo, Georg Gänswein irá, no entanto, continuar a dirigir a Casa Pontifícia.

"O George Clooney do Vaticano", como é conhecido na imprensa, foi nomeado bispo e arcebispo em dezembro passado. A 6 de janeiro foi promovido a chefe da da Casa Pontifícia, cargo que lhe permitirá praparar a instalação no Vaticano do sucessor de Bento XVI.

Numa conferência de imprensa, o padre Federico Lombardi sublinhou que a função de prefeito da Casa Pontifícia é apenas organizativa e não interfere com o Governo da Igreja, afastando assim as críticas dos que apontam a dupla função de Gänswein possa invalidar o desejo de Bento XVI de não interferir no pontificado do sucessor.

Com ele, Bento XVI leva ainda os quatro empregados laicos que o serviam no Vaticano, os Memores Domini, e terá a companhia do irmão, o padre Georg Ratzinger.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG