Barroso diz que "este é o momento" para começar a investir em Portugal

O presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, disse hoje, em Oslo, que Portugal precisa de investimento e defendeu que "este é o momento" para começar a apostar no país.

"Uma coisa é segura: Portugal precisa de investimento", afirmou José Manuel Durão Barroso, em Oslo, em declarações à imprensa portuguesa antes da cerimónia de entrega do Prémio Nobel da Paz à União Europeia (UE).

"E eu atrevo-me a dizer isto: este é o momento para investir em Portugal", acrescentou o presidente da Comissão Europeia, salientando que o país está a fazer reformas que "vão dar, a médio/longo prazo, estabilidade e grandes perspetivas de crescimento sustentável".

Durão Barroso respondia a uma questão sobre as discussões entre o Governo português e a Comissão Europeia sobre a pretensão de Portugal em baixar a taxa de IRC para as empresas que pretendam fazer novos investimentos no país.

Sobre este assunto, o presidente da Comissão Europeia disse ser um tema que tem de ser analisado de acordo com as regras da UE, "nomeadamente para evitar discriminação entre as próprias empresas".

Já sobre a crise que afeta a Europa, Durão Barroso apontou o desemprego como o principal problema.

"O primeiro problema que hoje em dia temos na Europa é o problema do desemprego, não apenas dos jovens, mas também o desemprego dos jovens. Este é o primeiro problema e só pode ser resolvido com uma resposta em várias frentes", declarou.

O chefe do executivo comunitário defendeu que "a correção dos défices é importante, mas não é tudo", afirmando ser necessário fazer reformas estruturais que permitam ganhar competitividade e apostar no investimento, "porque o essencial é recuperar as condições para o crescimento".

E "sem crescimento não há emprego", argumentou.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG