Aprovadas mais medidas de austeridade após protestos

A lei sobre novas medidas de austeridade na Grécia, fortemente contestadas hoje nas ruas das principais cidades, foi aprovada pelo Parlamento durante um primeiro voto "sobre o princípio", referiu um responsável citado por agências internacionais.

Na sequência de um voto nominativo, 154 deputados do Partido Socialista Pan-Helénico (PASOK, no poder), entre os 295 deputados presentes, votaram a favor do novo pacote de austeridade imposto pela União Europeia e pelo FMI.

As novas medidas impostas prevêem mais cortes salariais, o desemprego técnico de 30 mil funcionários no sector público até ao final do ano e uma grelha salarial única, o aumento dos impostos, para além de admitir reduções salariais no sector privado.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG