Tempestade obriga à retirada da população em Nova Orleães

Vários estados do sul dos Estados Unidos estão hoje em alerta devido à tempestade tropical "Lee" que provocou fortes chuvas, ameaça com tornados e obrigou à retirada da população em algumas áreas de Nova Orleães.

Luisiana e Mississípi estão desde sexta-feira em emergência para prevenir possíveis inundações associadas à "Lee", que também ameaça com fortes chuvadas, ventos e ondas em outros estados do sul, de Alabama a Texas, noticia a agência EFE.

Em Luisiana, o autarca de Jean Lafitte, Tim Kerner, ordenou evacuações nesta área, em Crown Point e Barataria, todas elas fora do sistema de diques da cidade, devido ao perigo de inundações, informou o diário local The Times-Picayune.

Também vários voos do aeroporto internacional Louis Armstrong, que serve a cidade, foram hoje cancelados e prevê-se que outros sejam afectados durante a noite e a manhã de domingo, segundo Michelle Wilcut, porta-voz do terminal.

Nova Orleães também está em emergência desde sexta-feira, quando o autarca, Mitch Landrieu, alertou que a tempestade "prevê uma grande quantidade de água" e recordou que os residentes que estão fora da protecção do dique podem estar expostos a picos de até metro e meio de altitude.

Precisamente no passado dia 29 de Agosto cumpriu-se o sexto aniversário das inundações que o devastador furacão "Katrina" provocou em 2005 em Nova Orleães e causou a morte de cerca de 1.800 pessoas.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG