Só 6 pessoas se registaram no 'Obamacare' no 1.º dia

Apenas seis pessoas subscreveram uma cobertura de saúde no novo portal dos EUA no primeiro dia do lançamento, a 01 de outubro, segundo os republicanos do Congresso, alarmados com o número tão baixo, resultante de problemas informáticos.

Uma comissão da Câmara dos Representantes, controlada pelos adversários republicanos do Presidente dos EUA, Barack Obama, revelou também hoje que 48 horas após a entrada em funcionamento daquela página de Internet, 248 pessoas em todo o país tinham conseguido concluir o processo de subscrição de uma cobertura de doença, de acordo com os documentos internos da administração obtidos pelos congressistas.

O portal "healthcare.gov" é o centro nevrálgico da reforma do sistema de saúde votada em 2010, sob o nome "Obamacare".

Os norte-americanos sem seguro podem selecionar um plano, mais ou menos subsidiado, em função dos seus rendimentos.

Mas os problemas informáticos multiplicaram-se depois do lançamento, a 01 de outubro, lidos pelos republicanos como uma prova da falha da reforma.

A Casa Branca não desmentiu estes números, mas adiantou que não constituem uma surpresa em si.

"É importante saber que o site não funcionou bem a 01 e 02 de outubro. De facto, funciona mal desde há um mês", reconheceu Jay Carney, porta-voz da Casa Branca.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG