Reabertura de Estátua da Liberdade sem data prevista

Quatro meses depois da passagem do furacão 'Sandy' por Manhattan, o famoso ícone da cultura americana Estátua da Liberdade continua fechada ao público e sem data de reabertura prevista, para o desgosto de milhares de visitantes.

"Não temos data reabertura", disse a porta-voz responsável pelo monumento, Linda Friar, à AFP. "Ainda há muito trabalho a fazer", anunciou.

A 29 de outubro o furacão 'Sandy' fez um avanço brutal sobre a cidade de Nova Jérsia e deixou cerca de 75% da Liberty Island (local onde se situa a Estátua da Liberdade) coberta por água.

A estátua, que mede mais de 93 metros e 200 toneladas, tinha sido reaberta na véspera do furacão depois de um ano de obras, e acabou por não sofrer danos com a catástrofe natural.

No entanto, os dois cais, utilizados diariamente por milhares de turistas não saíram incólumes. As redes de eletricidade e de telefone foram destruídas e as calçadas foram arrancadas pela água e pelo vento.

Depois de uma visita ao local, em meados de dezembro, o Secretário do Interior, Ken Salazar, estimou que o custo dos reparos rondaria os 59 milhões de dólares.

"Vamos tentar corrigir tudo o mais rápido possível, porque [a Estátua da Liberdade] é um ícone importante para Nova Iorque e para a América", declarou Salazar.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG