Presidente Kirchner operada com sucesso a lesão cerebral

A Presidente da Argentina, Cristina Fernández Kirchner, foi operada hoje "com sucesso", segundo o seu porta-voz. A cirurgia tinha como objetivo a "remoção cirúrgica" de um hematoma cerebral que lhe foi diagnosticado no sábado, informaram esta segunda-feira fontes oficiais citadas pelas agências.

"A operação decorreu de forma satisfatória, a Presidente já está no seu quarto. Ela está muito bem disposta", declarou à imprensa o porta-voz da presidência, Alfredo Soccimarro.

Kirchner deu entrada na clínica Favarolo de Buenos Aires, na segunda-feira, para ser submetida a exames cardiovasculares pré-cirúrgicos que antecedem a operação, referiu em comunicado o centro médico.

A equipa médica diagnosticou-lhe no sábado um coágulo alojado na cabeça, na sequência de um traumatismo craniano que sofreu em 12 de agosto devido a uma queda.

Inicialmente, foi recomendado um período de 30 dias de repouso, mas de acordo com os responsáveis médicos, a chefe de Estado argentina "sentiu no domingo às 19:30 [23:30 em Lisboa] uma sensação de formigueiro no seu braço esquerdo".

Perante o novo quadro clínico, a equipa médica que acompanha Kirchner optou pela cirurgia, que deverá decorrer "durante a manhã" de hoje.

Cristina Kirchner, 60 anos, sofre de problemas de tensão arterial e em janeiro foi submetida a uma operação para a extração de um tumor na tiroide.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG