Plataforma explode no Golfo do México (ACTUALIZADA)

Uma explosão destruiu hoje uma plataforma petrolífera no Golfo do México, atirando ao mar 13 pessoas que nela trabalhavam.

A detonação ocorreu a130 quilómetros a Sul de Vermilion Bay, ao largo da costa da Louisiana, numa zona a oeste do local onde, em Abril, explodiu a plataforma da BP que provocou um enorme derrame de petróleo.

As 13 pessoas "foram todas localizadas. Elas tinham uma espécie de vestuário que as protegia da água", explicou o responsável pela guarda costeira norte-americana, John Edwards, em declarações ao canal de televisão MSNBC.

Uma destas vítimas ficou ferida, avançou a CNN, mas não corre risco de vida.

Nove helicópteros foram enviados para o local do incidente, segundo o mesmo responsável. Também a caminho do local foram quatro navios da guarda costeira.

"Neste momento, os nossos esforços estão concentrados nas (operações de) buscas e salvamento. Depois, vamos analisar as causas da explosão", concluiu John Edwards.

A explosão foi detectada pela tripulação de um helicóptero comercial que sobrevoava a zona, cerca das 09:30 hora local (14:30 hora de Lisboa).

Não há, até ao momento, registo de derrame de crude.

A plataforma, que continua em chamas, é propriedade da sociedade Mariner Energy.

Este novo incidente ocorre cerca de cinco meses depois da explosão e do afundamento da plataforma Deepwater Horizon, também no Golfo do México.

O desastre, que matou 11 pessoas, provocou uma das piores marés negras da história dos Estados Unidos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG