'Mayor' de Toronto recandidata-se após caso de droga

O 'mayor' de Toronto - demitido do cargo em novembro, após ter admitido consumir crack - oficializou esta quinta-feira a sua recandidatura às eleições autárquicas, que irão decorrer no final do ano.

"Acabei de oficializar a minha candidatura para as eleições de 2014, cuja votação será no dia 27 de outubro", escreveu Rob Ford na sua página do Twiter, publicando uma fotografia com o seu irmão Doug Ford, que vai juntar-se à corrida à liderança da quarta maior cidade Norte Americana.

Desde que rebentou o escândalo, no final de outubro, após a sua confissão sobre o consumo de crack, e abuso de ingestão de álcool, que Rob Ford assegurou que iria recandidatar-se à eleições de 27 de outubro de 2014.

Rob Ford, que continua a ser oficialmente o prefeito da capital da província de Ontário, esteve omnipresente desde este escândalo, especialmente na segunda metade do mês de dezembro, quando a cidade ficou paralisada devido a uma tempestade de chuva e gelo.

Poucos antes do Natal, mais de 300 mil casas em Toronto ficaram sem eletricidade por vários dias e o prefeito esteve sempre presente nos órgão de comunicação, dando apoio nos subúrbios, as zonas mais afetadas e onde a eleitorado de Rob Ford é o mais forte.

Nas sondagens e apesar do seu comportamento, Rob Ford viu a sua popularidade aumentar. Uma semana após o escândalo, 42% dos eleitores de Toronto ainda tinham uma opinião favorável a seu respeito. Esse apoio vinha, sobretudo, das classes mais baixas e a viver nos subúrbios.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG