Jovem de 15 anos mata a tiro colega em autocarro escolar

Um estudante de 15 anos foi acusado de homicídio involuntário de uma rapariga que partilhava consigo o autocarro escolar, na sequência de um disparo mortal ocorrido quando o rapaz exibia uma arma de fogo.

Segundo fontes policiais de Miami-Dade, condado onde o crime se terá verificado, o jovem enfrenta ainda a acusação de posse oculta de arma de fogo. As autoridades acrescentam que o tiro parece ter sido disparado de forma acidental.

O episódio terá ocorrido quando ambos os jovens se deslocavam de autocarro para a escola, tendo o rapaz exibido a pistola que, até então, se encontrava escondida na sua mala. A polícia acredita que foi um toque acidental no gatilho a causa do disparo, que vitimou a rapariga de 13 anos.

Embora as autoridades tenham sugerido que se tratou de um caso isolado nos Estados Unidos, onde é comum a posse de armas pelos cidadãos, este género de acidentes entre crianças não é raro. As situações envolvem normalmente jovens que se apropriam de armas dos pais, de forma a poderem exibi-las aos seus colegas de escola.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG