EUA vão apoiar operação militar francesa no Mali

Os Estados Unidos anunciaram hoje que vão apoiar a operação militar francesa no Mali contra militantes islamitas, reabastecendo aviões de combate.

Segundo o porta-voz do Pentágono, George Little, o secretário da Defesa, Leon Panetta, aprovou o pedido da França à administração do presidente Barack Obama para disponibilizar aviões de reabastecimento para as operações em curso.

Cumpre hoje o seu 16.º dia a ofensiva militar francesa contra a coligação de rebeldes islamitas que controla o norte do Mali.

O ministro da Defesa francês confirmou que "as forças francesas tomaram o controlo do aeroporto e a ponte de Gao", enquanto o seu gabinete precisou que os "combates continuam" naquela zona.

Em comunicado, Jean-Yves Le Drian acrescentou que "3.700 militares franceses estão hoje envolvidos na operação Serval, 2.500 dos quais em território maliano".

Exclusivos