EUA resgatam 11 vítimas de tráfico sexual

O Governo dos Estados Unidos anunciou quinta-feira o resgate de 11 vítimas de tráfico sexual e a prisão de 12 pessoas, resultado de uma operação secreta relativa a uma rede de prostituição e tráfico de seres humanos.

Segundo avança a agência Efe, durante uma conferência na Geórgia, o Departamento de Imigração e Alfândega e o procurador do Estado anunciaram que a operação "Noite Escura", iniciada em 2012, foi realizada contra uma rede de tráfico pessoas na Florida, Geórgia, Carolina do Norte e Carolina do Sul.

Ao todo, as autoridades apresentaram acusações contra 13 pessoas suspeitas de envolvimento na rede criminosa, entre eles Joaquim Méndez Hernández, acusado de conspirar com outros cúmplices para o "transporte de pessoas através das fronteiras estaduais para colocá-las na prostituição".

Joaquín Méndez Hernández terá conspirado com pelo menos mais três cúmplices para trazer para os Estados Unidos mulheres de México, Nicarágua, entre outros, com falsas promessas para concretizar "o sonho americano".

No entanto, à chegada aos Estados Unidos as mulheres eram forçadas a prostituir-se em Savannah e em todo o sudeste do país.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG