Estudantes da Virginia Tech revelam medo nas redes sociais

As pessoas que estão nesta altura perto do Campus da universidade norte-americana Virgínia Tech usam as redes sociais, em especial o Twitter, para expressarem as suas reacções, a maior parte de medo. Todo o tipo tweets são transmitidos, desde actualizações de informação, a piadas, e até, a orações.

O "Christian Post" avança algumas mensagens enviadas via Twitter:

Twwet de Brian Romans, professor assistente na universidade: "@clasticdetritus, acabei de ouvir que alguém estava supostamente aqui no Campus (Virginia Tech) com uma arma". A mensagem foi enviada às 10:15 da manhã.

Também Jorge Valencia, jornalista do Roanoke Times escreveu: "WVTF está a dar a notícia de que uma pessoa com uma arma foi vista no Campus da Virginia Tech, perto do Dietrick Hall, que é uma sala de jantar e uma loja de conveniência".

Depois da notícia ser conhecida Romans enviou um tweet: "Estou no Derring Hall, que é no outro lado do Campus. O alarme já parou, mas está um alerta na página da VT".

Os utilizadores do Twitter rezaram pela universidade, que em 2007 assistiu a 33 mortes, também por um homem armado. Mais recentemente, em 2009, um estudante decapitou outro, na cafetaria. "A Virginia Tech está a ser atacada outra vez? Wow! Rezem pelos estudantes e pelos funcionários, para que fiquem em segurança". Uma outra pessoa escreveu também: "Estes estudantes estão fora do controlo. Rezem para que a Virginia Tech não tenha outro trágico tiroteio hoje".

No entanto, e apesar da eminencia da tragédia, algumas pessoas fizeram piadas também via Twitter: "A Virginia Tech devia vender coletes à prova de bala na papelaria", ou ainda "@eLoElz, vou transferir-me para a Virginia Tech para não ter de pagar os meus empréstimos de estudo".

Até ao momento o Campus continua fechado, estando a polícia a tentar controlar a situação.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG