Emigrante ganhou 338 milhões de dólares na lotaria

Um emigrante da República Dominicana, proprietário de uma loja de conveniência nos Estados Unidos, reclamou hoje um 'jackpot' na lotaria de 338,3 milhões de dólares, o equivalente a 263 milhões de euros.

Pedro Quezada, de 44 anos, celebrou o bilhete dourado que comprou no sábado com uma conferência de imprensa televisionada no quarteirão de lotarias de Nova Jersey, dizendo que apesar de se tornar super rico o seu coração não vai mudar, disse à agência noticiosa AFP.

O homem, nascido na República Dominicana, enfrentou uma probabilidade de vitória de 175 milhões para um, ao comprar um bilhete rápido com os cinco números corretos e uma "powerball" (onde os números são escolhidos através do computador).

Pai de cinco crianças, o emigrante que chegou aos Estados Unidos há 26 anos ficou chocado quando descobriu ser o vencedor do 'jackpot', na segunda-feira, quando voltou à loja onde comprou o bilhete.

Porque ter escolhido um montante fixo, Quezada receberá cerca de 152 milhões dólares depois de taxados os impostos.

Este foi o quarto maior prémio principal de sempre da Powerball.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG