Congressita e manifestantes detidos em frente à Casa Branca

O congressista democrata de Illinois, Luis Gutiérrez, e outras dez pessoas foram detidas na terça-feira por se terem concentrado em frente à Casa Branca para exigir ao presidente norte-americano a suspensão das deportações de imigrantes ilegais.

Luis Gutiérrez, defensor da reforma da lei da imigração e crítico de Obama, já tinha sido protagonista de um ato de desobediência civil similar no ano passado, que também terminou com a sua detenção. O congressista fez-se acompanhar por centenas de activistas e líderes hispânicos que durante duas horas contestaram "as promessas quebradas por Obama", com gritos de "amnistia" e "liberdade", em frente à residência presidencial.

Na manifestação, os imigrantes e grupos cívicos fizeram um ultimato a Barack Obama, exigindo-lhe que use os poderes de presidente e acabe com as deportações dos "indocumentados", que ultrapassaram um milhão de pessoas desde que o actual presidente chegou à Casa Branca em 2009.

Os contestatários impuseram o prazo de 15 de agosto para terem uma resposta de Obama, tendo advertido que se as suas reivindicações não forem atendidas mobilizarão o voto hispânico para impedir a reeleição do presidente democrata em 2012.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG