Assassino em série foi executado na Florida

Um homem que espalhou o terror há cerca de 30 anos numa comunidade costeira da Florida, EUA, com uma série de assassínios, foi executado na quinta-feira, pela morte de uma jovem em 1983, noticiou hoje a agência AP.

David Alan Gore, de 58 anos, morreu na Prisão Estatal da Florida, depois de receber uma injeção letal.

O homem foi condenado pelo homicídio de Lynn Elliott, de 17 anos.

De acordo com o processo, David Alan Gore e o seu primo raptaram a jovem e levaram-na para uma casa, em Vero Beach, onde a violaram.

A rapariga ainda conseguiu fugir, mas Gore apanhou-a e matou-a com um tiro na cabeça.

Na altura, a polícia foi alertada por um rapaz que viu Gore a correr nu, tendo conseguido, posteriormente, determinar que o homem matou outras três raparigas e duas mulheres.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG