Estudante alemão colocado em isolamento no Ruanda

O Ruanda anunciou ter colocado em isolamento um estudante alemão, hospitalizado em Kigali, que apresentava sintomas da doença de Ébola, até serem conhecidos os resultados das análises efetuadas, foi hoje noticiado.

"Hoje [domingo], ao fim do dia, um doente do hospital King Faisal, que apresenta sintomas de Ébola foi colocado em isolamento, a aguardar os resultados das análises", que vão determinar se o doente contraiu a febre hemorrágica, de acordo com um comunicado do Governo ruandês.

Os resultados devem ser conhecidos no prazo de 48 horas.

Na rede social "Twitter", a ministra ruandesa da Saúde, Agnes Binagwaho, indicou que o doente, um estudante alemão com sinais de febre e paludismo, "passou vários dias na Libéria, antes de ter viajado para o Ruanda".

Este é o primeiro caso suspeito de Ébola no Ruanda desde o início da epidemia, surgida na África Ocidental no início do ano.

A epidemia causou pelo menos 932 mortos em 1.700 casos suspeitos, desde o início do ano em quatro países da África Ocidental: Guiné-Conacri, Libéria, Serra Leoa e Nigéria.

Na sexta-feira, a Organização Mundial de Saúde decretou a situação uma "emergência de saúde pública de alcance mundial".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG