Número de mortos em desabamento sobe para 9

Os bombeiros de São Paulo divulgaram ter encontrado hoje o corpo da nona vítima fatal do desabamento de um prédio de dois andares na região leste da cidade.

O edifício, que estava em fase final de construção, mas em situação irregular, desabou na manhã de terça-feira, deixando pelo menos nove mortos, um desaparecido e 26 pessoas feridas, entre operários e transeuntes.

As buscas pelo operário que está desaparecido continuam, segundo o Corpo de bombeiros, com ajuda de cães farejadores.

Segundo a imprensa local, no projeto do edifício consta apenas a construção de um andar, e não de dois.

O Ministério Público de São Paulo divulgou que investiga o governo municipal por omissão, já que a obra, mesmo irregular e suspensa, continuou a ser feita.

A construtora responsável pela obra, Salvatta Engenharia, negou ter conhecimento de problemas na obra, segundo a "Folha de São Paulo".

As causas do desabamento ainda não foram divulgadas. O caso será investigado pela polícia civil.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG