Novas moedas entram segunda-feira em circulação

O Banco Nacional de Angola (BNA) coloca em circulação a partir de segunda-feira em todo o país, as novas moedas metálicas, designadamente de um, cinco e dez kwanzas e 0,50 cêntimos.

Um euro vale atualmente 128 kwanzas. A introdução das novas moedas metálicas, que em Angola há muito deixaram de ser utilizadas por rejeição dos cidadãos, foi justificada pelo BNA com a necessidade de assegurar trocas comerciais mais justas.

Segundo o BNA, a ausência de moedas metálicas em Angola tem como resultado que os preços, sobretudo dos bens de consumo, sejam arredondados para valores acima, em prejuízo dos clientes.

"s novas moedas metálicas que segunda-feira entram em circulação, juntar-se-ão as novas notas de 50, 100, 200, 500, 1.000, 2.000 e 5.000 Kwanzas, que a partir de março começarão a ser introduzidas no circuito comercial.

As notas de 10.000 Kwanzas, inicialmente referenciadas aquando do primeiro anúncio da entrada em circulação de novas notas, apenas entrarão no circuito caso as condições económicas angolana assim o exijam, disse o vice-governador do BNA, António André Lopes, citado pela Angop.

A nova família do kwanza estará em circulação ao mesmo tempo que as atuais notas de cinco, dez, 50, 100, 200, 500, 1.000 e 2.000, que devem deixar de circular definitivamente dentro de cinco anos.

António André Lopes disse que a retirada das atuais notas do mercado será feita de forma progressiva, ou seja, a medida que forem entrando no banco central serão substituídas pelas novas notas.

Desde o lançamento oficial da nova família do kwanza, em finais de janeiro, o BNA tem promovido por todo o país várias sessões, sobretudo com os comerciantes para dar a conhecer as novas notas e moedas metálicas.

As atuais notas do kwanza estavam em circulação há cerca de 14 anos.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG