Sismo na Nova Zelândia: 102 mortos e 228 feridos

O último balanço, feito pela polícia da Nova Zelândia, dava conta de 98 mortos e 226 desaparecidos em Christchurch. Mas o ministro da Defesa civil neozelandês actualizou hoje a informação.

"Neste momento, existem 102 vítimas mortais confirmadas (...) o número de desaparecidos que apuramos é de 228", afirmou o ministro, John Carter, em declarações à comunicação social na sexta-feira (quinta-feira em Portugal)

Entretanto, um alto responsável da polícia, Russell Gibson, declarou que a esperança de encontrar sobreviventes em Christchurch é cada vez menor, uma vez que as equipas de socorro não registam desde quarta-feira qualquer sinal de vida nos escombros.

O sismo com uma magnitude de 6,3, o mais mortífero dos últimos 80 anos na Nova Zelândia, ocorreu terça-feira às 12.51 (23.51 de segunda-feira em Lisboa).

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG