Coreia do Norte pede a exército prontidão para o combate

O dirigente da Coreia do Norte, Kim Jong-Un, pediu aos militares para estarem prontos para o combate, afirmando que uma guerra poderia eclodir "sem aviso prévio", escreve hoje a imprensa do país.

Kim Jong-Un visitou o comando da unidade 526 na véspera de Natal, precisou a agência oficial KCNA. "Ele pediu à unidade de colocar todos os seus esforços para a preparação do combate (...) tendo sempre em mente que uma guerra poderia eclodir no país sem aviso prévio", acrescentou a agência.

A unidade militar visitada está situada na cidade portuária de Nampo (oeste), segundo a agência de notícias sul-coreana Yonhap.

A Coreia do Norte, dirigida pela dinastia Kim há 60 anos, faz frequentes declarações de guerra, aumentando as tensões com a vizinha Coreia do Sul e EUA.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG