China e EUA em exercício militar de ajuda de emergência

Os Estados Unidos e a China concluem hoje um exercício militar de ajuda de emergência planeado para reforçar a confiança entre os dois exércitos que muitas vezes se olham como adversários.

O exercício sentou à mesma mesa responsáveis de ambos os exércitos a discutir como irão responder a um sismo num terceiro país ficcionado.

Para o major general norte-americano Stephen Lyons, o exercício é um passo em frente para conhecimento de duas entidades que um dia irão operar lado a lado numa operação humanitária.

Apesar de Washington e Pequim abordarem repetidamente o aumento da cooperação militar há mais de uma década, a desconfiança e a discordância sobre Taiwan, Coreia do Norte e disputas territoriais entre a China e países asiáticos têm sido pontos de choque entre as duas potências.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG