Analista que viu fotos de supermodelo mantém emprego

Apanhado em directo pela televisão a ver fotos de uma das modelos mais famosas da actualidade, David Kiely vai continuar a trabalhar na sociedade financeira a que está ligado. A modelo também era contra o seu despedimento.

O funcionário da sociedade financeira australiana apanhado numa transmissão televisiva a ver fotografias da supermodelo Miranda Kerr escassamente vestida não vai perder o emprego.

A sociedade Macquarie Wealth anunciou que o seu analista David Kiely “vai continuar ao serviço desta empresa”. Após “uma completa investigação interna sobre o sucedido a 2 de Fevereiro e várias reuniões” com Kiely, a Macquarie Wealth concluiu não haver razões para o despedimento daquele.

Kiely, que trabalha na empresa há seis anos, foi visto durante um directo do Canal Sete australiano feito na Macquarie Wealth - em que se analisava aspectos da economia do país - a abrir fotografias da modelo surgidas no mais recente número da edição americana da revista GQ.

A empresa e Kiely apresentaram desculpas públicas “por qualquer ofensa causada”.

O caso originou uma campanha na Internet a favor da manutenção de Kiely no seu emprego. A modelo, que é australiana, afirmou estar disponível, se fosse necessário, de também ela assinar a petição a favor do analista financeiro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG