27 mortos em ataque com facas em estação ferroviária

Pelo menos 27 pessoas morreram e 109 ficaram feridas depois de "homens armados com facas" terem atacado a estação ferroviária de Kunming, capital da província chinesa de Yunnan, segundo informações avançadas pela agência Xinhua.

A polícia terá disparado contra os agressores, não sendo claro se estes estão contabilizados no número de mortos divulgado pela agência ou se apenas foram contabilizadas as vítimas do ataque.

A agência Xinhua não divulgou mais pormenores do ataque e a polícia da cidade, no sudoeste da China, não revelou qualquer informação.

De acordo com uma testemunha, citada pela AP, os atacantes usavam uniforme.

A polícia criou uma área de segurança em redor do local do ataque, segundo as mensagens colocadas na rede Weibo, equivalente chinês ao Twitter, citadas pela estação de televisão local K6.

As fotos divulgadas nas redes sociais mostram o chão coberto de sangue e as equipas médicas a tentar ajudar os feridos, refere a AFP. A autenticidade das imagens não pode ser comprovada.

Os casos de esfaqueamentos em massa não são raros na China, segundo a agência norte-americana, que refere contudo que este seria o caso mais grave a ser conhecido.

Desconhece-se o motivo por detrás deste ataque, mas no passado os esfaqueamentos foram perpetrados por pessoas com ressentimentos para com a sociedade em geral.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG