26 desaparecidos em mina de carvão inundada

Vinte e seis mineiros estão presos há dois dias numa mina de carvão inundada na sequência de uma rutura num poço, no nordeste da China.

De acordo com o jornal "China Daily", as equipas de salvamento estiveram na quinta-feira a bombear a água da mina em Qitaihe, na província de Heilongjiang, apesar de não terem ainda estabelecido o contacto com os mineiros.

A mina de carvão ter-se-á enchido de água na terça-feira quando os trabalhadores romperam um poço adjacente durante a actividade.

Outros dezanove mineiros regressaram, entretanto, à superfície conseguindo escapar.

Relatórios indicam que a mina de carvão está a ser operada ilegalmente, uma vez que era suposto ter sido integrada num complexo mineiro maior antes de a actividade de produção ser retomada.

As minas da China são das menos seguras de todo o mundo, apesar das melhorias realizadas terem contribuído para diminuir em cerca de um terço o número anual de mortes que, em 2002, foram de quase sete mil.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG