Arábia Saudita suspende tráfego aéreo a sul do país com fronteira com Iémen

Com o inicio dos bombardeamentos dos aviões sauditas contra os rebeldes xiitas houthis, por motivos de segurança, ficaram suspensos os voos de chegada e os de partida nos aeroportos do sul do país.

A Arábia Saudita suspendeu hoje o tráfego aéreo, nomeadamente os voos domésticos e internacionais dos aeroportos do sul do país, que faz fronteira com o Iémen, onde decorre uma operação militar, anunciou a Autoridade da Aviação Civil saudita.

De acordo com um comunicado daquele organismo, ficaram suspensos tanto os voos de chegada como os de partida, por motivos de segurança.

A medida foi adotada horas depois de os aviões sauditas terem começado a bombardear posições do movimento xiita houthis.

A Arábia Saudita coordena o lançamento de uma operação militar no Iémen que envolve "mais de dez países", para defender o Presidente iemenita contestado por rebeldes xiitas houthis, anunciou o embaixador de Riade em Washington.

"A operação visa defender o Governo legítimo do Iémen e impedir o movimento radical houthi (apoiado pelo Irão) de assumir o controlo do país", afirmou Adel al-Jubeir, durante uma conferência de imprensa.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG