Porta-voz de Gbagbo denuncia acção da ONU e da França

A França só tem um objectivo que é assassinar o presidente Laurent Gbagbo. A afirmação foi feita pelo porta-voz do regime, Ahoua Don Mello.

Para Don Mello, o ataque das forças francesas presentes na Costa do Marfim e das tropas das Nações Unidas contra a residência de Gbagbo revelam as intenções de Paris.

"Helicópteros da ONU e franceses continuam a disparar contra a residência do presidente Gbagbo, que foi parcialmente destruída", afirmou Don Mello que se negou a revelar se o responsável marfinense estava ou não na residência.

Gbagbo perdeu as eleições presidenciais de Novembro último mas recusa passar o poder ao seu rival e ao homem que, segundo a comunidade internacional, venceu as eleições, Alassane Ouattara. Durante meses, foram feitas tentativas para sair da crise de forma pacífica. Mas fracassaram e Ouattara optou pela solução militar.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG