Presidente angolano promovou uma mulher a oficial general

A deputada do MPLA Luzia Inglês, líder da estrutura feminina daquele partido, no poder em Angola, tornou-se a primeira mulher angolana a ser promovida a oficial general, por ordem do Presidente angolano, José Eduardo dos Santos.

De acordo com o despacho de 10 de outubro do também Comandante-Em-Chefe, ao qual a Lusa teve acesso, a promoção de Luzia Pereira de Sousa Inglês Van-Dúnem, antes com o posto de brigadeiro, foi feita depois de ouvido o Conselho de Segurança Nacional, estando esta na situação de reforma.

Além de deputada pelo MPLA, Luzia Inglês, foi, segundo a imprensa angolana, a primeira mulher a ascender à classe dos oficiais generais das Forças Armadas Angolanas.

A agora general "Inga", como é conhecida, integrou a guerrilha do Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA) durante o período colonial português.

Aos 66 anos, é ainda secretária-geral da Organização da Mulher Angolana (OMA), estrutura feminina daquele partido, liderado igualmente por José Eduardo dos Santos.

De acordo com dados daquela estrutura, a OMA é a "maior organização social" de Angola, atuando em áreas como a educação, saúde ou o combate à pobreza e à violência, contando com mais de 2,5 milhões de membros, o que representa 51 por cento do total de militantes do MPLA.

Ler mais