África levantou o olhar para um eclipse total

Um eclipse total do sol, um dos fenómenos mais impressionantes da natureza, foi observado no domingo em vários países africanos, enquanto no Leste dos EUA, no Sul da Europa e no Iraque o eclipse foi apenas parcial.

No Quénia, o parque Sibiloi, a mil km a noroeste de Nairobi, encheu-se de turistas e locais que foram apreciar o espectáculo.

Munidos de óculos especiais, espectadores seguiram, fotografaram ou filmaram a passagem da Lua à frente do Sol, reduzido a um disco negro rodeado de ouro.

Ao lado dos turistas, os povos quenianos Tukana, Rendile e Dasanach, em fatos tradicionais, aplaudiram e gritaram em direção ao céu que escurecia.

O eclipse total foi ainda observado no Gabão, Congo, Uganda e Etiópia.

Mas o mau tempo estragou o espectáculo a alguns, com as nuvens das trovoadas a impedir o eclipse de ser observado em alguns locais.