Ex-presidente Ravalomanana impedido de regressar

O avião que deveria levar o ex-presidente de Madagáscar Marc Ravalomanana de volta ao seu país, após três anos no exílio, teve que regressar a Joanesburgo, tendo visto o espaço aéreo malgaxe fechado.

"O avião não foi autorizado a entrar em espaço aéreo de Madagáscar", explicou à AFP Karin Murray, porta-voz da SA Airlink, filial da companhia nacional sul-africana SAA. O aparelho regressou a Joanesburgo perto das 14.00 locais (12.00 em Lisboa), de onde tinha partido quatro horas antes.

"Enquanto político, tenho que me adaptar a esta vida. Mas o problema para mim é o milhão de pessoas que se tinham juntado no aeroporto de Antananarivo para me receber", afirmou o ex-presidente ao jornalista da AFP que viajava no mesmo avião.

"Rajoelina não tem vontade política para resolver a crise em Madagáscar. O mundo é testemunha", acusou, apontando o dedo ao presidente da transição, Andry Rajoelina, que o derrubou num golpe em março de 2009.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG