Kofi Annan, o diplomata humanitário

Kofi Annan morreu este sábado aos 80 anos, na sequência de doença súbita, anunciou a família

Ana Bela Ferreira
Kofi Annan e António Guterres brindam com o cálice de Porto. O primeiro era secretário-geral da ONU e o segundo, primeiro-ministro de Portugal. O encontro aconteceu em 1998 a propósito de Fórum Mundial da Juventude e da Expo'98 | foto José Manuel Ribeiro/Reuters
Num encontro no Eliseu, em França, onde estiveram também o diretor-geral da OMS, a antiga presidente irlandesa, e os dois ex-secretários-gerais da ONU, Kofi Annan e Ban Ki-moon | foto Gonzalo Fuentes/Reuters
Kofi Annan esteve numa audiência privada com o Papa Francisco em novembro de 2017 | foto Vatican Media/Reuters
Fala aos jornalistas na qualidade de presidente de uma comissão para o povo rohingya, na Myanmar (Birmânia) | foto Soe Zeya Tun/ReutersFa
Na apresentação do prémio Chatham House, em 2014 | foto Reuters
Com a mulher Nane durante o jantar de gala na véspera da abdicação do trono da rainha Beatriz da Holanda, em 2013 | foto Reuters
Durante o tempo em que foi enviado das Nações Unidas para a Síria. Aqui numa reunião com o presidente sírio, Bashar al-Assad | foto Sana Sana/Reuters
Em 2007, com uma AK47 transformada em guitarra durante a cerimónia de batismo do seu edifício, em Viena | foto Herwig Prammer/Reuters
Na despedida como secretário-geral da ONU, em dezembro de 2006 | foto Reuters
O último discurso, antes de ser substituído no cargo de secretário-geral da ONU por Ban Ki-moon | foto Reuters
Kofi Annan recebe das mãos de Cavaco Silva (então Presidente da República) o prémio Norte-Sul do Conselho da Europa, em 2008 | foto Reuters
Com Jaime Gama, antigo Ministro do Negócios Estrangeiros, quando se discutiam as soluções para a paz em Timor, em 1999 | foto Peter Morgan/Reuters
Com o bispo Ximenes Belo durante a crise de Timor. Kofi Annan foi o promotor do referendo que levou à independência do país | foto José Manuel Ribeiro/Reuters
António Guterres, atual secretário-geral das Nações Unidas, conversa com Kofi Annan durante a conferência de Segurança de Munique, em fevereiro deste ano | foto Michaela Rehle/Reuters