Bolos para todos os gostos numa casa vintage na Póvoa

«Aposto na diferença e na qualidade dos ingredientes. Há doces mais tradicionais e sabores mais modernos, tudo no mesmo espaço», explica Tiago Ferreira, pasteleiro «por paixão e vocação», como o próprio diz. Aos 12 anos já tinha por sua conta os doces da mesa de Natal. E aos 16, começou a trabalhar a sério. Andou por Toronto, fez formação em Portugal e no estrangeiro, aprendeu com outros pasteleiros. Quando voltou, começou a fazer «bolos em casa para oferecer aos amigos». A palavra passou e, cinco meses depois, as encomendas eram tantas que decidiu abrir o seu próprio espaço. Magrinho, desde […]

Para saber mais clique aqui: www.evasoes.pt

Ler mais

Exclusivos