Crítica: A Ver Tavira para saborear excelência

Com um percurso profissional original, o chef Luís Brito estabeleceu na sua vida a ideia fixa de sair e sempre o destino cuidadosamente se encarregou de o devolver. Alentejano de Almodôvar, bateu-lhe cedo a vocação da cozinha, e aos 20 anos estava a entregar-se à arte, logo a seguir ao serviço militar. Sem padrinhos nem protetores, o francamente jovem cozinheiro fez o que ainda hoje faria: enveredou por caminho não usado sem olhar para trás. Fixou-se no Algarve como se fosse óbvio, e a formação da escola de hotelaria fez dele formador. Primeira revelação, a sua boa estrela indicou-lhe a […]

Para saber mais clique aqui: www.evasoes.pt

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG