Premium Juscelino Kubitschek recebido em festa em Lisboa

Recebido em euforia pelos lisboetas, o popular presidente brasileiro visitou Portugal em 1960, já perto do final do seu mandato. Meses antes tinha inaugurado Brasília, a nova capital do Brasil.

Médico de formação, o político de Minas Gerais Juscelino Kubitschek ficou para a história como um presidente brasileiro de grande popularidade, capaz de fazer cumprir por fim em 1960 o sonho da construção de uma grande capital federal: Brasília. Foi, aliás, meses depois de inaugurar essa capital que sucedeu ao Rio de Janeiro que o político de nome checo (mas que era Oliveira por parte do pai) visitou Portugal, onde uma multidão lisboeta o acolheu em festa, como se pode ver nesta fotografia tirada na Baixa pombalina. Amigo de Portugal, Juscelino Kubitschek de Oliveira morreu em 1976.

Ler mais

Exclusivos

Premium

João Almeida Moreira

Bolsonaro, curiosidade ou fúria

Perante um fenómeno que nos pareça ultrajante podemos ter uma de duas atitudes: ficar furiosos ou curiosos. Como a fúria é o menos produtivo dos sentimentos, optemos por experimentar curiosidade pela ascensão de Jair Bolsonaro, o candidato de extrema-direita do PSL em quem um em cada três eleitores brasileiros vota, segundo sondagem de segunda-feira do banco BTG Pactual e do Instituto FSB, apesar do seu passado (e presente) machista, xenófobo e homofóbico.