Premium Juscelino Kubitschek recebido em festa em Lisboa

Recebido em euforia pelos lisboetas, o popular presidente brasileiro visitou Portugal em 1960, já perto do final do seu mandato. Meses antes tinha inaugurado Brasília, a nova capital do Brasil.

Médico de formação, o político de Minas Gerais Juscelino Kubitschek ficou para a história como um presidente brasileiro de grande popularidade, capaz de fazer cumprir por fim em 1960 o sonho da construção de uma grande capital federal: Brasília. Foi, aliás, meses depois de inaugurar essa capital que sucedeu ao Rio de Janeiro que o político de nome checo (mas que era Oliveira por parte do pai) visitou Portugal, onde uma multidão lisboeta o acolheu em festa, como se pode ver nesta fotografia tirada na Baixa pombalina. Amigo de Portugal, Juscelino Kubitschek de Oliveira morreu em 1976.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Nuno Artur Silva

Notícias da frente da guerra

Passaram cem anos do fim da Primeira Guerra Mundial. Foi a data do Armistício assinado entre os Aliados e o Império Alemão e do cessar-fogo na Frente Ocidental. As hostilidades continuaram ainda em outras regiões. Duas décadas depois, começava a Segunda Guerra Mundial, "um conflito militar global (...) Marcado por um número significativo de ataques contra civis, incluindo o Holocausto e a única vez em que armas nucleares foram utilizadas em combate, foi o conflito mais letal da história da humanidade, resultando entre 50 e mais de 70 milhões de mortes" (Wikipédia).