Premium Antissemitismo no caminho de Corbyn para Downing Street

Apesar da crise no governo, Labour não descola nas sondagens devido a polémica antissemita, mas também à falta de alternativas ao brexit de May.

Jeremy Corbyn segura uma coroa de flores enquanto olha para quem tira a fotografia. Estamos em 2014, um ano antes de ser eleito líder do Labour, num cemitério em Tunes. O então deputado diz que estava numa cerimónia de homenagem aos 47 palestinianos mortos, em 1985, num ataque aéreo israelita a uma base da Organização da Libertação da Palestina na Tunísia. Mas o tabloide Daily Mail revelou que o monumento que assinala esse evento está a mais de dez metros de distância e que, na realidade, ele estava junto à placa que assinala a campa dos membros do grupo responsável pelo massacre de 11 atletas e técnicos israelitas nos Jogos Olímpicos de 1972, em Munique.

Este foi só mais um episódio numa longa série de acusações de antissemitismo contra Corbyn ou o Partido Trabalhista, que teimam em não desaparecer por muito que o Labour as desminta ou lembre o passado de ativista dos direitos humanos e antirracismo e intolerância do seu líder. Isso, juntamente com uma posição não comprometedora sobre o brexit e propostas económicas radicais na economia, são um entrave no caminho até ao número 10 de Downing Street.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ferreira Fernandes

"Corta!", dizem os Diáconos Remédios da vida

É muito irónico Plácido Domingo já não cantar a 6 de setembro na Ópera de São Francisco. Nove mulheres, todas adultas, todas livres, acusaram-no agora de assédios antigos, quando já elas eram todas maiores e livres. Não houve nenhuma acusação, nem judicial nem policial, só uma afirmação em tom de denúncia. O tenor lançou-lhes o seu maior charme, a voz, acrescida de ter acontecido quando ele era mais magro e ter menos cãs na barba - só isso, e que já é muito (e digo de longe, ouvido e visto da plateia) -, lançou, foi aceite por umas senhoras, recusado por outras, mas agora com todas a revelar ter havido em cada caso uma pressão por parte dele. O âmago do assunto é no fundo uma das constantes, a maior delas, daquilo que as óperas falam: o amor (em todas as suas vertentes).

Premium

Crónica de Televisão

Os índices dos níveis da cadência da normalidade

À medida que o primeiro dia da crise energética se aproximava, várias dúvidas assaltavam o espírito de todos os portugueses. Os canais de notícias continuariam a ter meios para fazer directos em estações de serviço semidesertas? Os circuitos de distribuição de vox pop seriam afectados? A língua portuguesa resistiria ao ataque concertado de dezenas de repórteres exaustos - a misturar metáforas, mutilar lugares-comuns ou a começar cada frase com a palavra "efectivamente"?