Premium Sérvia: Jovic na Luz como estrela e as semelhanças com "Portugal de há 25 anos"

Já quase metade sérvio, metade madeirense, Perdrag Jokanovic ajuda a fazer o raio-X do próximo adversário de Portugal. A começar pelo fenómeno Luka Jovic, o avançado que não teve tempo para brilhar no Benfica.

O Portugal-Sérvia, hoje, traz Luka Jovic de volta o Estádio da Luz como um dos homens do momento no futebol europeu. Ao contrário do que esperaria em janeiro de 2016, quando se mudou, ainda como um adolescente promissor, do Estrela Vermelha para o Benfica, o avançado sérvio nunca pôde mostrar-se aos adeptos portugueses (e os encarnados, em particular) como titular do clube da Luz. Mas regressa agora como um dos mais excitantes jovens atacantes do futebol mundial - e voltará de novo, a 11 de abril, aí para jogar mesmo contra o Benfica, na Liga Europa.

Por estes dias, muitas das conversas sobre a seleção sérvia andam em redor dele. Luka Jovic, o avançado que não teve tempo para brilhar no Benfica - foi emprestado aos alemães do Eintracht Frankfurt com uma opção de compra de apenas seis milhões de euros (acautelando uma percentagem, alegadamente entre 20% e 30%, da mais-valia de uma futura transferência) - é agora estrela em destaque na Bundesliga, onde está entre os melhores marcadores e revela um futebol distinto que o coloca no meio de um leilão milionário (Barcelona, Real Madrid, Manchester City, PSG...).

Ler mais

Exclusivos

Premium

Alentejo

Clínicos gerais mantêm a urgência de pediatria aberta. "É como ir ao mecânico ali à igreja"

No hospital de Santiago do Cacém só há um pediatra no quadro e em idade de reforma. As urgências são asseguradas por este, um tarefeiro, clínicos gerais e médicos sem especialidade. Quando não estão, os doentes têm de fazer cem quilómetros para se dirigirem a outra unidade de saúde. O Alentejo é a região do país com menos pediatras, 38, segundo dados do ministério da Saúde, que desde o início do ano já gastou mais de 800 mil euros em tarefeiros para a pediatria.