Premium MIT quer pôr aviões e submarinos a comunicar entre si

Por enquanto, os submarinos não conseguem comunicar diretamente com algo que esteja no ar, por limitações físicas de sinal, que sofre interferências da água. Mas há investigadores do MIT que querem mudar essa situação.

Os investigadores do Massachusetts Institute of Technology (MIT) estão a desenvolver um projeto que, através de uma mistura de sonares e radares, conseguirá estabelecer comunicação entre algo que está debaixo de água, como um submarino, e um transporte aéreo.

Segundo os investigadores, a ideia é que o sistema sem fios envie um sinal de sonar para a superfície, com as diferentes vibrações emitidas a corresponderem a código binário, que transmite a informação através de 0 e 1.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Adriano Moreira

O relatório do Conselho de Segurança

A Carta das Nações Unidas estabelece uma distinção entre a força do poder e o poder da palavra, em que o primeiro tem visibilidade na organização e competências do Conselho de Segurança, que toma decisões obrigatórias, e o segundo na Assembleia Geral que sobretudo vota orientações. Tem acontecido, e ganhou visibilidade no ano findo, que o secretário-geral, como mais alto funcionário da ONU e intervenções nas reuniões de todos os Conselhos, é muitas vezes a única voz que exprime o pensamento da organização sobre as questões mundiais, a chamar as atenções dos jovens e organizações internacionais, públicas e privadas, para a necessidade de fortalecer ou impedir a debilidade das intervenções sustentadoras dos objetivos da ONU.