Premium Estreias: há génio no novo Aladdin mas não genialidade

Estreia-se hoje o mais recente remake de um clássico da Disney em imagem real. Com Will Smith a abrilhantar o elenco, no papel do Génio da lâmpada, Aladdin mantém a ambição dos estúdios de fazer render a nostalgia.

Ainda há pouco nos chegou a nova versão de Dumbo, por Tim Burton, e num estalar de dedos já está aí o Aladdin, de Guy Ritchie. Eis a primeira nota sobre o empreendimento: Will Smith cresce no grande ecrã como o verdadeiro achado deste live action e confirma-se um justo sucessor de Robin Williams (1951-2014), que dava voz ao Génio no filme de animação.

É ele, Smith - a surgir logo no início na pele de um marinheiro -, quem nos vai contar a história do ladrão Aladdin (Mena Massoud), a princesa Jasmine (Naomi Scott) e a lâmpada mágica. De resto, uma história que toda a gente conhece...

Ler mais

Exclusivos