Premium Museu do Prado: projeto de rainha portuguesa faz 200 anos

O Museu do Prado celebra nesta terça-feira 200 anos. As obras que ali estão refletem a história de Espanha, considera o artista Eugenio Ampudia. O projeto foi impulsionado pela mulher do rei espanhol Fernando VII, a rainha portuguesa Maria Isabel de Bragança.

Nesta terça-feira assinalam-se os 200 anos da abertura do Museu do Prado, em Madrid. O museu, que é a instituição cultural mais visitada de Espanha, tendo registado 2,9 milhões de entradas em 2018, foi em abril distinguido com o Prémio Princesa das Astúrias de Comunicação e Humanidades.

Inaugurado a 19 de novembro de 1819, o Museu do Prado apresenta uma coleção de cerca de oito mil pinturas, das quais 1700 estão expostas no Edifício Villanueva e mais de 3200 estão distribuídas por instituições culturais de Espanha. O edifício do Museu do Prado foi desenhado por Juan de Villanueva em 1785, por ordem de Carlos III, na altura para acolher o Gabinete de Ciências Naturais. No entanto, foi o neto de Carlos III, Fernando VII, que tomou a decisão de criar um Real Museu de Pintura e Escultura, impulsionado pela mulher, a rainha portuguesa Maria Isabel de Bragança.

Ler mais

Exclusivos