Agarrem-me, senão eu fico!

- Vou-me embora ou não vou? Pergunto-vos...

- Isso já percebi. Você pergunta.

- Na verdade estou bem aqui, digo-o desde já.

- Isso já não percebo. Se está bem, porque põe a questão?

- Eu tenho direito de pôr a pergunta.

- Não contesto. Mas estando você aqui e bem, segundo diz você mesmo, e ninguém tendo posto a questão de você ir embora, por que raio toma a iniciativa de perguntar se vai embora ou não?

- De facto, com essa... Espere... Olhe, porque me apeteceu. Não chega como razão?

- Porque lhe apeteceu perguntar ou porque lhe apeteceu conhecer a resposta?

- Bem, apetece-me saber que a resposta é para eu ficar.

- Aí arrisca-se a saber que a resposta seja para você ir embora.

- A sério?! São tão poucas as probabili dades...

- São? Olhe que naquele ano do Brexit...

- Já cá faltava o Brexit!

- Quero lá eu saber do Brexit. Estava era eu a dizer-lhe que, naquele ano do Brexit, em 2016, contra todos os vaticínios, o Leicester foi campeão inglês.

- Quero lá eu saber o que quer que seja dos ingleses.

- Disso também já eu me tinha dado conta.

- Volto à questão, vou-me embora ou não vou?

- E você a dar-lhe. Ponha a questão e é capaz de sair-se mal.

- Na verdade o que eu queria não tem nada que ver com ir embora ou não ir...

- Então tinha que ver com o quê?...

- Você sabe, andam por aí uns ganapos a morder-me as canelas. Vamos mas é embora, vamos mas é embora...

- E isso incomoda?

- Incomoda. E quero arrumá-los de vez.

- Como se os arruma?

- Mostrando que a maioria quer que eu fique.

- E se ela não quiser?

- Tolice.

- Então, pergunte.

- Vou-me embora ou não vou?

- Você perguntou?

- Perguntei.

- Deixe-me contar... Tenho uma má notícia: querem que você vá embora.

- Então vou. Quero ir-me embora!

- ...

- Está a olhar para mim porquê?

- Porque você ainda cá está.

- E então?

- Então, desde que o Leicester foi campeão você continua cá.

- Não estou a ver a relação.

- É que quando o Leicester foi campeão você virou o bico ao prego e disse que queria ir embora.

- E então?

- Neste momento o Leicester está em décimo.

- É mau sinal, não é?

- Para o Leicester talvez não, mas para você, que quer ir embora e não continuar cá, é. Você já não é deste campeonato.

- Confesso que quero ir-me embora mas devagarinho.

- E isso como se faz?

- Eu estava a pensar numa pergunta.

- Tipo quê?

- Vou-me embora mas não vou? Pergunto-vos.

- Vai pôr isso à votação?

- Não. Votações, muitas votações...

Ler mais

Exclusivos