Premium Aconteceu em 1941 - Churchill e Roosevelt criam a base para a ONU

A reunião no Atlântico entre o primeiro-ministro britânico e o presidente norte-americano, em plena II Guerra Mundial, deu origem a um documento que viria a ter profundas repercussões no futuro.

"Roosevelt e Churchill conferenciaram no alto-mar durante vários dias e elaboraram uma importante declaração anglo-americana contendo oito pontos em que se definem os objetivos da guerra." É desta forma que o DN de 15 de agosto de 1941 noticiou a assinatura do que viria a ficar para a história como a Carta do Atlântico, resultante do encontro entre o presidente dos EUA Frank D. Roosevelt e Winston Churchill, líder do governo britânico.

O documento revelar-se-á o ponto de partida para a Organização das Nações Unidas.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Líderes europeus

As divisões da Europa 30 anos após o fim da Cortina de Ferro

Angela Merkel reuniu-se com Viktor Orbán, Emmanuel Macron com Vladimir Putin. Nos próximos dias, um e outro receberão Boris Johnson. E Matteo Salvini tenta assalto ao poder, enquanto alimenta a crise do navio da ONG Open Arms, com 107 migrantes a bordo, com a Espanha de Pedro Sánchez. No meio disto tudo prepara-se a cimeira do G7 em Biarritz. E assinala-se os 30 anos do princípio do fim da Cortina de Ferro.